quinta-feira, novembro 12, 2009

Não deixe de fazer algo de que gosta devido à falta de tempo





Poema Tempo, de Mário Quintana.

Quantas vezes deixamos algo para depois alegando falta de tempo? Quantas vezes dizemos "amanhã eu faço", ignorando que o "amanhã" pode não chegar? Não procrastine mais seus sonhos, seus desejos, seus anseios. Deixe aquela fagulha, há muito escondida, vir à tona. Ama alguém? Diga à ele(a). Quer fazer um curso de pintura? Faça. Gostaria imensamente de saber tocar piano? Entre num curso de música. Quer escrever um livro? Comece. Não desacredite do que gosta achando que outras coisas são mais importantes para serem feitas. O que pode ser mais importante do que se sentir realizado? Sim, porque ao fazermos o que gostamos nos sentimos realizados de algum modo. Vamos nos descobrindo em uma incrível jornada rumo a nós mesmos. E ao nos despertarmos para nossos sonhos, podemos ajudar outros a se despertarem para os seus também. Então, mãos à obra.


O texto acima é meu, mas o vídeo vi no Pavablog

Um comentário:

Pastoragente disse...

Graça e paz!
“Andando” por aí cheguei até o seu Blog e quero te parabenizar pela bênção que pude ver aqui.
Já estou te seguindo e será uma honra te receber no pastoragente.blogspot.com.
Se quiser segui-lo vai ser uma alegria pra mim.
No blog conto da forma mais realista e divertida possível as realidades, dúvidas e experiências de uma simples pastora como eu.
Fique na paz. Um abraço.